Educação

Onde atua o profissional do curso de relações internacionais?

O curso de Relações Internacionais, visa o estudo das relações políticas, jurídicas, econômicas e sociais entre diferentes países e empresas que tenham influência internacional.

19/10/2018 - Equipe Cafeina Nerd
#Carreira #Relações Internacionais

Vivemos a era da globalização. Todos os governos e mercados estão conectados entre si. Com isso, carreiras ligadas ao relacionamento entre países cresceram e conquistaram o seu lugar no mundo do trabalho.

Questões de ordens militares, jurídicas e de direitos civis são fundamentais para o desenvolvimento de instituições. A perspectiva atual é de que empresas e órgãos governamentais dependam de cada vez mais profissionais para realizarem tratados e acordos em territórios estrangeiros.

O curso de Relações Internacionais é o ideal para o bom convívio no mundo globalizado. Essa graduação visa o estudo das relações políticas, jurídicas, econômicas e sociais entre diferentes países e empresas que tenham influência internacional.

O atual mercado de trabalho do Analista Internacional é muito amplo, podendo atuar em organizações sem fins lucrativos, órgãos governamentais e mundiais, como setores da ONU, por exemplo, dentre outras empresas que atuam no exterior. No post de hoje, contaremos mais sobre onde atua o profissional de Relações Internacionais e quais as suas possibilidades no mercado atual. Acompanhe!

Agências de consultoria e empresas multinacionais

O Analista Internacional atua amplamente no setor privado, como por exemplo em agências de consultoria e empresas multinacionais. Nessas áreas ele é responsável pelo relacionamento com os investidores, dando suporte aos bancos por meio da aplicação de seus conhecimentos de normas financeiras que regem o país.

O graduado é representante das atividades empresariais nas áreas de Direito, Economia, Marketing e quaisquer outras ações que envolvam contato direto com outros países. Atuando nas organizações privadas globais, o piso salarial do profissional de Relações Internacionais é de R$ 3.510,69. Em bancos multinacionais varia de R$ 12.000,00 a R$ 15.000,00, de acordo com o cargo.

Empresas de logística

Quem estuda Relações Internacionais também pode atuar no ramo de logística. Trata-se da organização de bens, equipamentos e recursos materiais e pessoais nos países em que as companhias atuam. O graduado atua em diversas áreas relacionadas a estatística, contabilidade, marketing, tecnologia, recursos humanos e transportes. A média salarial do analista na logística é de R$ 2.300,00 para iniciantes na carreira. Em cargos de chefia, o salário pode variar entre R$ 5 mil e R$ 7 mil.

Empresas de exportação e importação

Nas empresas de exportação e importação, o graduado em Relações Internacionais é responsável por planejar e elaborar estratégias para que os produtos cheguem a novos mercados mundiais.

Do mesmo modo, ele media as comercializações internacionais, analisando o mercado como um todo, identificando países que têm potencial para vender ou comprar produtos desejados pelas companhias em que este profissional atua.

Há empresas que pagam até R$ 7 mil mensais para quem exerce as funções acima citadas.

Agências de câmbio

Nas casas de câmbio, o profissional da área aplica seus conhecimentos nos setores de direito internacional e economia, realizando operações de mesa de câmbio. Nessas empresas são analisadas as tendências do mercado especulativo, ou seja, flutuações da moeda estrangeira, valores das bolsas de valores, etc. Os ganhos salariais são de R$ 6 mil com possibilidades de aumentar esse valor de acordo com a empresa e cargo exercido pelo profissional.

Consulados e órgãos do governo

É a área mais conhecida para quem entende um pouco mais sobre Relações Internacionais. O profissional pode trabalhar em embaixadas com o objetivo de manter ou melhorar o bom convívio entre países e/ou estados independentes.

Para conseguir o cargo de Analista Internacional nos consulados e órgãos governamentais é preciso passar em concursos públicos. A prova mais cobiçada por Analistas Internacionais é a do Instituto Rio Branco. Este ano foram abertas vagas para diplomatas, com o salário de mais de R$ 15 mil.

Organismos internacionais

Com conhecimento avançado nas áreas jurídicas e econômicas, o Analista Internacional também é um profissional muito requisitado para organismos internacionais, como as ONGs, por exemplo.

Essas ONGs buscam se fortalecer por meio do financiamento e de tratados longe de seus países de origem. Logo, elas precisam estabelecer acordos em terras estrangeiras e ninguém melhor que um graduado em Relações Internacionais para realizá-los. Essas mesmas atribuições também são aplicados em outros organismos, como os setores da ONU.

O salário oferecido por empresas filantrópicas fica na média de R$ 4 mil. Algumas dessas empresas pagam aos profissionais em moeda estrangeira, como o dólar ou o euro, por exemplo. Logo, há possibilidades do valor informado ser ainda maior.

Viu a importância do profissional de Relações Internacionais no mercado global?Ele possui conhecimentos avançados sobre Economia, História, Geografia e cultura internacional para promover o bom convívio entre os países, independentemente do setor em que atua.

Deixe um comentário